Qual a importância da reeducação alimentar?
14 de janeiro de 2020
Saiba o que muda no organismo durante e após o emagrecimento
11 de fevereiro de 2020
Exibir tudo

Saiba mais sobre a perda capilar durante a suplementação

O uso de suplementos alimentares traz diversos benefícios para o organismo. A suplementação é procurada por estimular a hipertrofia muscular e melhorar os resultados e o desempenho durante os exercícios físicos. Mas ela pode causar queda de cabelo?

A resposta é sim. Quando consumidos sem orientação médica, de maneira aleatória e irregular, os suplementos podem causar efeitos colaterais prejudiciais à saúde. 

AGENDE UMA CONSULTA

Como funcionam os suplementos alimentares?

Os suplementos podem ser compostos por diversas substâncias. Entre elas estão proteínas, aminoácidos, ácidos graxos, vitaminas, fibras, minerais, ervas, probióticos, enzimas, carotenoides e fitoesteróis.

Eles são indicados quando a ingestão de tais nutrientes não é suficiente para suprir o organismo adequadamente, complementando a alimentação do usuário. Os suplementos podem ser encontrados sob a forma líquida, aerossol, sólida e semi-sólida, como drágeas, cápsulas, tabletes, granulados e pastilhas. 

 

Quais suplementos são responsáveis pela queda de cabelo?

Suplementos como a creatina e a DHEA estão ligados à incidência de calvície entre seus usuários. A creatina é bastante procurada por liberar energia e retardar o cansaço muscular, sendo uma importante aliada na musculação. Ela é um composto de aminoácidos naturalmente produzidos pelo fígado e já existentes nas fibras musculares. Esta proteína também pode ser absorvida através do consumo de carnes brancas e vermelhas. Além da calvície, os suplementos de proteína, como a creatina, podem contribuir para o surgimento de acne, como cravos e espinhas. 

O DHEA, ou deidroepiandrosterona, é um hormônio produzido principalmente pelas glândulas adrenais e suprarrenais, sendo comum entre atletas e fisiculturistas. Este suplemento é um precursor da testosterona e dos estrógenos, indicado para ganho de massa muscular. Como eleva os níveis de testosterona e DHT no organismo, acelera a queda dos cabelos naqueles com predisposição genética para a calvície.

 

Por que ocorre a queda de cabelo?

Quando em níveis elevados no organismo, a creatina entra em contato com os folículos capilares impedindo a chegada de vitaminas e nutrientes. Com a falta de substâncias que fortalecem o cabelo, os fios se tornam fracos e quebradiços, resultando na queda capilar.

Como qualquer distúrbio hormonal, níveis elevados de DHEA causam efeitos colaterais. Os cabelos são uma das partes do corpo mais suscetíveis às alterações hormonais, por isso sofrem diante do desequilíbrio destas substâncias. Sendo assim, alterações na concentração de hormônios podem contribuir para o surgimento ou para a aceleração do quadro de alopecia.

 

Como prevenir ou reverter este quadro?

Cada organismo responde de maneiras diferentes ao uso de suplementos. Isso inclui tanto efeitos positivos, como desenvolvimento muscular, quanto negativos, como queda de cabelo.

É importante estar atento à procedência e à composição do suplemento a fim de evitar danos como a perda capilar. Antes de iniciar o uso de tais substâncias, é essencial que o paciente procure orientação médica e siga à risca as instruções dadas pelo especialista. Se você já utiliza suplementos, para ter certeza do que e quanto deve ser consumido, procure um profissional qualificado. Ele irá avaliar cautelosamente sua situação e dará orientações precisas de acordo com as necessidades do seu organismo.

AGENDE UMA CONSULTA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1
Olá, tudo bem?
Como podemos ajudar?
Envie uma mensagem aqui e te responderemos o mais breve possível.
Powered by